AUXILIO EMERGENCIAL

Auxílio Emergencial volta com novos pagamentos em 2022; confira

Todavia, uma nova parcela do Auxílio Emergencial foi liberada, ressaltando que não se trata de uma prorrogação do programa, mas sim de um pagamento retroativo. As novas cotas são de direito dos pais solteiros chefes de família monoparental.

Durante a vigência do auxílio, apenas as mães solteiras tiveram acesso as parcelas com valores dobrados do programa. Na ocasião, os homens nas mesmas condições foram vetados pelo presidente Jair Bolsonaro.

No entanto, o Congresso Nacional conseguiu derrubar o veto do chefe do Executivo e ampliou o direito as cotas duplas aos pais solteiros. Estima-se que 1,3 milhão de homens chefes de família que criam os filhos sozinhos sejam beneficiados.

Cabe salientar que o valor da parcela única pode variar entre R$ 600 a R$ 3 mil. Isso porque, só serão pagas as quantias referentes as primeiras cinco parcelas do programa de 2020, considerando ainda quantos pagamentos o cidadão recebeu.

Para fazer a consulta basta acessar o site e preencher nome completo, data de nascimento e número do CPF.

Auxílio Emergencial beneficiou milhares de cidadãos brasileiros desde 2020, só no ano passado, o programa contemplou mais de 36 milhões de pessoas. Todavia, o benefício foi encerrado em outubro de 2021, e muitos se perguntam se o programa voltará em 2022.

Até o momento, a posição do Governo Federal quanto a uma renovação do Auxílio Emergencial é negativa. O programa foi substituído pelo Auxílio Brasil, nova política pública de transferência de renda, que também substituiu o Bolsa Família.

Atualmente, o novo programa atende menos da metade do público que era contemplado pelo Auxílio Emergencial, somando apenas 17,5 milhões beneficiários. Os valores mensais são de, no mínimo, R$ 400, como prometido pelo presidente da república.

Auxílio Emergencial em 2022

O principal entrave para o retorno do Coronavoucher diz respeito ao custo excedente que seria gerado, uma vez que o Auxílio Brasil aumentou o seu investimento em R$ 54,6 bilhões, o que eleva a dotação total do programa em 2022 para R$ 89,1 bilhões.

Vale ressaltar que os recursos para a liberação do Auxílio Brasil vieram através da aprovação da PEC dos precatórios no Congresso Nacional. A proposta abriu um espaço extraordinário no orçamento de R$ 113,1 bilhões.

Considerando o custo do Auxílio Emergencial só em 2021, R$ 62,6 bilhões, o governo já cogita ampliar ainda mais o público do Auxílio Brasil e incluir 20 milhões de pessoas no programa. A iniciativa já é bem vista pelo governo Bolsonaro.

 

FONTE: https://noticiasconcursos.com.br/auxilio-emergencial-volta-com-novos-pagamentos-em-2022-confira/